quarta-feira, 5 de dezembro de 2012

Jovens de Várzea do Poço estão na fase final do Curso de Cinema de Vídeo/2012





A Companhia de Artes Cênicas Rheluz - Rede Pintadas, vem promovendo cursos em diversas áreas que envolvem pessoas do Território da Bacia do Jacuípe. Sendo assim, cinco jovens da cidade de Várzea do Poço estão na fase final do Curso de Cinema de Vídeo/2012 e em breve estará mostrando seus trabalhos na cidade e também no território.
A equipe é formada por Cíntia Alves, Ciomária Alves, Evanylton Santos, Ramon Trindade e Thauan Rios e ainda Jucyelma dos Santos e Nádja Araújo ambas de Serrolândia.

EM BREVE, MOSTRA COMPLETA DO TRABALHO!

sexta-feira, 9 de novembro de 2012

Instrumentos Musicais






Após estudar sobre a reciclagem, a importância da mesma e sobre os danos que o acúmulo  de lixo causa a sociedade. Estudamos também sobre a história da música e sobre alguns instrumentos musicais.
Os alunos da 7ª série realizaram pesquisas sobre a origem dos instrumentos e confeccionaram alguns para a culminância da unidade.

Fantoche


Durante os estudos da III Unidade trabalhamos com fantoches, onde os educandos puderam conhecer a história dos mesmos, assistir filmes com formas animadas, confeccionar os bonecos e apresentar pequenos diálogos com os mesmos. 

Alunos do Centro Educ. Coronel Antonio Lopes Filho e do Instituto Educ. São Francisco de Assis das 5ª séries.




Material:
02 potes de margarina
papelão
papel camurça
cola quente
tesoura
botões
camisa de bloco



sábado, 15 de setembro de 2012


quinta-feira, 10 de maio de 2012

Várzea do Poço - Bahia


Mapa de Várzea do Poço


Mapa do Território da Bacia do Jacuípe


Modelo didático do mapa do município de Várzea do Poço


quarta-feira, 9 de maio de 2012

ROTEIRO DE QUESTÕES PARA ANALISE EM AULA DE CAMPO

Os licenciandos do curso de Biologia do PAFOR da UNEB Campus IV realizam aula de campo às margens do rio Itapicuru e Rio do Ouro e no Bairro da  Grotinha em Jacobina  realizando um trabalho do Componente Curricular Geociência, ministrada pela docente Joseane.

1. Identificar os principais problemas dos rios e/ou corpos d'água que cortam a cidade;
2. Observar e relatar sobre as características gerais da ocupação do solo urbano das áreas visitadas;
3. Destacar a organização das áreas urbanas (área construída, pavimentação, como é o acesso, vegetação, solo exposto, valetas, corpos d'água, vazios urbanos e suas interferências nas questões socioambientais;
4. Elencar as principais implicações da ocupação do solo em áreas de vertentes;
5. Investigar a atuação do poder público no acompanhamento da ocupação do solo nas áreas visitadas;
6. Identificar as evidências do intemperismo químico e físico da erosão e sedimentos nas áreas visitadas.













terça-feira, 8 de maio de 2012

Apresentação teatral - FEIURINHA





O Fantástico Mistério de Feiurinha é um livro infanto-juvenil de 1986, do escritor  brasileiro Pedro Bandeira.
O livro trata do desaparecimento de uma suposta princesa, chamada Feiurinha, e promove um reencontro entre as principais princesas dos contos de fadas: Cinderela, Branca de Neve, Chapeuzinho Vermelho, Bela Adormecida, Rapunzel e Bela, do conto "A Bela e a Fera". Todas, com exceção de Chapeuzinho vermelho, se encontram grávidas e prestes a completar 25 anos de casadas com seus respectivos príncipes encantados.
Há também espaço para a rivalidade entre princesas, que demonstram se preocupar mais com suas próprias histórias em determinados momentos. Porém, as diferenças se acabam quando todas têm o objetivo comum de resgatar a Princesa Feiurinha.
Em 08 de maio de 2012, o livro foi apresentado em forma de teatro no Instituto Educacional São Francisco de Assis pelos alunos e alunas da 7ª Série A do turno matutino, sob a orientação e mediação da Arte Educadora Cíntia Alves. Com o objetivo de desenvolver o hábito e o prazer pela leitura através de apresentações artísticas.
“É através das ações dos nossos alunos que sinto orgulho de ser professora/arte educadora.” Professora Cíntia Alves
PERSONAGENS/ ARTISTAS:
Feiurinha – Lara Crisliane
Cinderela – Alice
Branca de Neve – Maylla
Chapeuzinho Vermelho – Silvania
Bela Adormecida – Tarcila
Rapunzel - Cláudia
Escrivão – Priscila
Bruxas – Jamile, Iana Carla, Laís, Rosilânia e Nívia
Pais de Feiurinha – Marília e Igor
Caio – Ramon Oliveira
Príncipe – Rivelino Lucas
 Gerusa – Joyce


















sábado, 5 de maio de 2012

Projeto PIBID realiza I Seminário de Leitura na Escola do Campo e lança Livro produzidos pelos alunos


Nos dias 27 e 28 de abril aconteceu na Escola Família Agrícola (EFA) no povoado de Jaboticaba (na cidade de Quixabeira-Ba), o Primeiro Seminário de Leitura do PIBID (Projeto Institucional de Bolsa de Iniciação à Docência).  O evento representou o fechamento do Projeto dentro da referida escola, na qual vinha recebendo as oficinas realizadas pelas alunas da UNEB-Universidade do Estado da Bahia (bolsistas do PIBID) há exatos dois anos. 

O Seminário contou com a participação de vários professores da UNEB que deram palestras
 e realizaram oficinas na área de leitura para os alunos da EFA. Além desses, 
se faziam presentes monitores, as bolsistas do projeto, supervisores, a direção da escola,
 funcionários e as coordenadoras (do PIBID) geral e de área Eliene Maria da Silva 
e Jane Adriana V. Pacheco Rios. Outra figura marcante foi a do padre Xavier, 
um dos fundadores da escola.
O evento teve como ponto marcante o lançamento do Memorial de Leitura dos alunos do campo que foi um livro especial no qual os alunos foram orientados pelas bolsistas, no decorrer das oficinas, a contarem suas vivências e relações com a leitura ao longo da vida.
A coordenadora Jane Adriana V. Pacheco Rios, aproveitou a ocasião para agradecer à toda escola pela acolhida do projeto e, além disso, entregar os certificados às alunas e supervisores do mesmo. 
Os alunos da EFA também receberam certificado pela participação nas oficinas e utilizaram o momento para homenagearem as meninas que se dedicaram à valorização e prática da leitura dentro da EFA: apresentaram cordéis, cantaram suas composições para as bolsistas e ainda encenaram a obra de Ariano Suassuna O auto da Compadecida.
A estudante da UNEB Jailma Sampaio que faz parte do PIBID enfatizou sua emoção ao ver a conclusão do projeto na EFA onde atuou por quase dois anos : “Foi uma experiência indescritível. Aprendi muito com os alunos e suas histórias, constituí laços de amizades que serão inesquecíveis, aprendi a ter mais respeito com a docência e tive o privilégio de desfrutar os sabores que é lecionar na escola do campo. Nada pode traduzir a satisfação de vermos nossos esforços dando frutos e tendo uma repercussão tão boa. Mesmo que os resultados da leitura não sejam imediatos, acredito que nesse evento todos puderam contemplar um pouco do trabalho que efetuamos com tanto carinho”.
Apesar do PIBID ter se concretizado na Escola Família Agrícola, o projeto continua firme e forte com novas ideias para a próxima  escola do campo onde passará a atuar. O nome da instituição que receberá as oficinas de leitura ainda está em sigilo, mas de antemão, as bolsistas já deixaram claro que estão preparadas para, independente do espaço,  valorizar a prática docente a partir dessa iniciação e promover o gosto dos alunos pela leitura de forma prazerosa e interessante.

REDAÇÃO: ANTUNES LIMA
COLABORAÇÃO: JAILMA SAMPAIO
PORTAL DO ALTO ALEGRE

sábado, 28 de abril de 2012

FLORES DO JACUÍPE NO MOVIMENTO SOLIDÁRIO EM ALTO DO CAPIM





O Grupo de cantigas de roda "Flores do Jacuípe" do município de Várzea do Poço,
 realizou uma bela apresentação neste sábado 21 de abril,
 no movimento solidário na comunidade Quilombola de Alto do Capim municipio de Quixabeira.

Flores do Jacuípe é mais um projeto da Secretaria Municipal de Cultura, Esporte e Lazer 
de Várzea do Poço,que tem o objetivo de incentivar e incerir pessoas especialmente
 adolescentes à cantarem as rodas antigas, fomentando e valorizando esta
 grande tradição como um bem imprescindível para a cultura local e regional.

As cantigas cantadas e apresentadas em coreografias ao som de pedaços de madeira
 e pandeiro, lembram bastante o maculêlê que também é uma forte expressão da
 cultura Afro Descedente.


O Movimento Solidário é uma ação do Projeto Portas Abertas para a Cidadania
 desenvolvido através do grupo de mulheres de Quixabeira no sentido de ajudar 
famílias carentes e conta com o apoio de várias pessoas do municipio e região.

Fonte: www.culturavp.blogspot.com

terça-feira, 17 de abril de 2012

ALERTA: DENGUE PREVINA-SE POIS ELA MATA

Várzea do Poço: PROJETO CRIATIVIDADE







Como parte de uma serie de projetos artisticos culturais que  a Secretaria Municipal da Cultura de Várzea do Poço desenvolve no município, iniciou nesta quarta 11 de abril, o 4º módulo do Projeto Criatividade com oficinas de ORIGAMI ". Com mais de 20 adolescentes cadastrados e 10 professores do municipio , a oficina de origami tem o principal objetivo de promover o processo criativo da construção de histórias, trabalhar o desenvolvimento intelectual e motor dos mesmos, trabalhar matemática, contentração, criatividade, comportamento ambiental e ludicidade.
Origami é a arte tradicional de dobrar papéis, transformando em figuras diversas, como flores, animais ou objetos decorativos, como caixas, envelopes, embalagens e outros, uma arte milenar japonesa nascida há quase mil anos na Corte Imperial, onde era conhecido como um passatempo divertido e interessante. Com o passar do tempo esta arte foi transmitida ao povo que adotou-o com o entusiasmo e transformou numa arte. 

No Japão, nos dias de hoje, o Origami é bastante divulgado entre crianças, jovens e idosos, seguindo as tradições de séculos passados. Mas, esta muito longe de ser uma arte exclusiva dos japoneses, pois atualmente há adeptos em quase todo o mundo, e há inclusive origami tradicionais do ocidente. 
No origami há regras básicas, que são: as folhas de papel quadrado e sem corte. Mas não são regras absolutas e há inúmeros origami fora deste esquema trazendo simplicidade e desafio à criação de modelos.
FONTE: SECRETARIA MUNICIPAL DA CULTURA DE VÁRZEA DO POÇO -BA
POR: CIOMÁRIA ALVES

sexta-feira, 13 de abril de 2012

O que são leitores iniciantes? Descubra e confira dicas para esse tipo de leitor

Os leitores iniciantes a partir dos cinco ou seis anos, o indivíduo começa a tomar contato com a expressão escrita da linguagem verbal, ou seja, começa o letramento; a curiosidade sobre ess universo cultural e o mundo que se descortina por meio da produção/reconhecimento da palavra escrita ganha algum espaço sobre a imagem, sendo que a última ainda deve predominar; é a fase de socialização e de racionalização da realidade.
A hora-atividade da Escola Angelino desta quinta-feira relacionou os diversos tipos de leitores da Literatura Infantil, discutiram e leram textos relacionados a aplicação desses tipo de leitura nas séries iniciais.

CONFIRA DICAS DE LIVROS DE ANA MARIA MACHADO PARA LEITORES INICIANTES
1.
Banho Sem Chuva
Banho Sem Chuva
Da série Mico Maneco. Essa divertida história ajuda a treinar a leitura de palavras com dígrafos.
2.
Boladas e Amigos
Boladas e Amigos
Divertida história da segunda fase da série Mico Maneco, boa para treinar as palavras com os fonemas "f" e "v" e com "g" e "j". 
3.
Brincadeira de Sombra
Brincadeira de Sombra
Quem nunca brincou com a própria sombra? Luísa se diverte enquanto aprende a mexer com a sua.
4.
Cabe na Mala
Cabe na Mala
Primeira fase da série Mico Maneco, para leitura de palavras bem simples.
5.
Com Prazer e Alegria
Com Prazer e Alegria
Última fase da série Mico Maneco, que lembra a importância e o prazer de ler. 
6.
Dia de Chuva
Dia de Chuva
Guido, Henrique e Isadora percorrem mundos incríveis em um dia de chuva.
Hors Concours (2002) Altamente Recomendável - Criança (2002)
7.
Eu era um Dragão
Eu era um Dragão
Num jogo permanente entre o texto e a ilustração, este livro sublinha a riqueza da imaginação infantil em suas sutilezas, que nem sempre ficam visíveis para os adultos.
8.
Fome Danada
Fome Danada
Uma história de comilança, que ajuda os que estão aprendendo a ler a diferenciar os sons "f" e "v" e as letras "g" e "j". 
9.
Maré Baixa, Maré Alta
Maré Baixa, Maré Alta
Luísa sai para passear na praia com seus pais, e rapidamente descobre gostosas brincadeiras.
10.
Menino Poti
Menino Poti
A história do menino Poti diverte e ensina quem está na primeira fase da série Mico Maneco, que possui palavras bem sim
ples.

quarta-feira, 11 de abril de 2012

Várzea do Poço

A Secretaria Municipal da Educação de Várzea do Poço, informa a comunidade em geral que já estão abertas as inscrições para o Cursinho Pré-Vestibular do Projeto UNIVERSIDADE PARA TODOS.


A ação acontece através da parceria entre a Prefeitura Municipal, Secretaria Estadual da Educação e Universidade do Estado da Bahia - UNEB. Trata-se de uma ação voltada para fortalecer a política de acesso à educação superior, direcionada a estudantes concluintes e egressos do ensino médio da rede pública estadual.
Em 2012, serão disponibilizadas 100 vagas para o município e as inscrições serão realizadas no site da Secretaria da Educação, conforme edital.
O curso será presencial, com carga horária de 25 horas semanais e aulas das disciplinas Português, Redação, Matemática, Física, Química, Biologia, Literatura, Língua Estrangeira (Inglês ou Espanhol), História e Geografia, tendo como objetivo consolidar e aprofundar conhecimentos adquiridos pelos alunos, preparando-os para os processos seletivos de ingresso ao ensino superior.
A parceria já traz resultados positivos para o município, visto que mesmo tendo sido implantado só em julho de 2011, já houve a aprovações de alunas, no Processo Seletivo 2012 da UNEB.
Poderá concorrer a uma vaga o candidato que:
* estiver regularmente matriculado, em 2012, no 3º ano do ensino médio regular seriado ou no 4º ano da educação profissional integrado ao ensino médio da rede pública de ensino estadual e/ou municipal do Estado da Bahia; tenha cursado, em escola pública municipal e/ou estadual no Estado da Bahia, o ensino fundamental II (5ª a 8ª série / atual 6º ao 9º ano) ou modalidades correspondentes e 1ª e 2ª séries do ensino médio convencional;
* for egresso da rede pública de ensino estadual e/ou municipal do Estado da Bahia, ou seja, tenha o ensino fundamental II e médio seriado ou modalidades correspondentes, cursado em escola pública municipal e/ou estadual no Estado da Bahia.
As inscrições poderão ser feitas diretamente pelos candidatos, através do site www.sec.ba.gov.br, no período de 10 a 20 de abril de 2012, ou na Secretaria Municipal da Educação.